• Ronaldo Nuzzi

Fake News

Hoje li uma matéria muito bem escrita sobre a situação econômica brasileira, onde a conclusão é que estamos caminhando para a hiperinflação e estagnação da economia. Como título diz, tudo Fake News, nenhum número apresentado era real ou poderia minimamente ser checado. O autor da matéria é um PHD de Harvard. Eu sou um alumni de Harvard, logo consultei a base de dados de ex-alunos de Harvard, e surpresa, o autor da matéria não consta dessa base de dados. Em resumo, tudo mentira.

Há dez anos ou menos, quando queríamos publicar qualquer opinião sobre qualquer assunto, todos os canais de divulgação, como jornais, revistas, rádio e televisão, conferiam suas credenciais e checavam as fontes da informação. Hoje nada disso ocorre. Se dermos um google sobre qualquer assunto na internet, teremos uma infinidade de notícias erradas e infundadas, que são assumidas como verdades pelos leitores. Mentir virou regra, e a mentira é utilizada para definir grupos e ideologias.

Nesse ano o prêmio Nobel da paz foi para dois jornalistas, um das Filipinas e outro da Rússia. Maria Ressa e Dmitri Muratov lutam por divulgar a verdade com fatos e dados, em um mundo que não dá mais valor para isso. Segundo a academia, a liberdade de expressão “é condição prévia para a democracia e para uma paz duradora”. O que a academia não explica é que a internet é a expressão máxima da liberdade de expressão. Por que não funciona? Porque a informação tende a ser modificada conforme interesse do divulgador da notícia. O que não é diferente dos antigos jornais regionais de propriedade de famílias políticas que administrava as informações conforme o seu desejo político. Então você pode dizer: “então nada mudou!”.

Um segundo fenômeno agravou significativamente essa situação: o avanço das mídias sociais, como Facebook, Instagram, Tik Tok, etc. Essas novas tecnologias permitem a difusão massiva de desinformação. Os algoritmos desses aplicativos foram desenhados para aumentar o tempo que você passa dentro deles, logo eles foram desenhados para trazer informações de seu interesse. Por exemplo, se você passar mais tempo analisando uma postagem descrevendo as razões pelas quais a Terra é Plana, mais posts sobre esse tema serão direcionados para você. Depois de um certo tempo, e com todas as razões explicadas, você terá certeza de que a Terra é plana. E o algoritmo também vai buscar amigos para você que também acreditam que a Terra é plana e você fará parte de uma comunidade chamada “Terraplanistas”. E isso ocorre com qualquer tema. Se devemos ou não tomar a vacina, se a China enviou o vírus para vender mais produtos da área de saúde, se as crianças devem ou não voltar para a escola, etc. Não importa qual seja a sua opinião, depois de um certo tempo você terá uma comunidade para te apoiar que você está certo. Se você está certo, quem pensa diferente de você está errado. E o mundo se divide em pessoas que tem certeza de que a vacina faz uma pessoa virar jacaré, mesmo que toda a ciência prova o contrário.

Em tempos de incertezas como estamos vivendo, a melhor recomendação é checar se o que está sendo dito é verdade. Como é muito fácil receber uma Fake News, também é muito fácil checar se a informação é verdadeira ou falsa. Os meios de comunicação estão preparados para fazer essa confirmação para você. Logo quando você receber uma mensagem que não esteja muito clara, não passe para frente. Cheque!.

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo